35º post – Lead, Neo ou Burgman?

Meu primeiro contato com o Honda Lead veio em um momento perfeito: estou justamente à procura de um scooter urbano para comprar nos próximos dias e ainda não me defini entre o Suzuki Burgman, o Yamaha Neo e o Lead. O Honda, aliás, nem fazia parte da minha lista, e já vou dizer por que, mas agora é um sério candidato à minha garagem.

Para contextualizar os amigos leitores, vou explicar o uso que farei do scooter. Como trabalho perto da editora (cerca de 8 km de distância), mas enfrento um trecho com trânsito constante, procura uma moto prática e, principalmente, que não seja alvo dos bandidos. Por isso acabei descartando as Yamaha XTZ 125 e 250, que cheguei a cogitar.

Fiz esse trajeto de ida e volta principalmente usando a Avenida Nações Unidas (mais conhecida como Marginal Pinheiros), em São Paulo, e acessei algumas ruas na região do Itaim Bibi.

Logo ao sair da editora, percebi como as rodas de 12” na frente e 10” atrás do Lead sofrem nos buracos. Peguei uma rua extremamente castigada e reduzi o ritmo. Andei com bastante cautela e me senti um pouco desconfortável, mas em nenhum momento estive inseguro com a moto.

Na Marginal, me mantive na pista local, já que o limitador de velocidade da Lead me impediria de atingir os 90 km/h da via expressa. Foi o limitador, aliás, que inicialmente tirou o scooter da Honda da minha lista. Pelos depoimentos do pessoal da MOTOCICLISMO, achei que seria arriscado andar com uma moto limitada a apenas 82 km/h em São Paulo.

Mas não é, pelo menos para o uso que faço. Voltei para casa tranquilo na local da Marginal e, no dia seguinte, peguei um trecho da expressa para vir. Ok, uma hora quase fui atropelado por uma Kombi com motor de Fórmula 1 (essas novas 1.4 Flex estão andando demais na mão de alguns entregadores xaropes), mas me mantive na direita e vim todo “tiozinho” até a editora. Só que cheguei aqui sem entender por que a Honda colocou esse tal limitador. Na minha opinião, excesso de zelo, já que o Lead vem estável a 85 km/h no velocímetro e, calculo, manteria a firmeza a 100 km/h ou até mais.       

Acabamento e dirigibilidade

Gostei bastante da Lead no trânsito. Como costumo sentar mais atrás quando ando em scooters (mania minha para ter mais espaço), não tive o problema de sentir a perna bater no guidão. Isso só aconteceu quando eu manobrei na garagem em baixa velocidade. Além disso, achei o modelo da Honda ágil e com bons freios. Fiz até alguns testes chegando em semáforos e não tive surpresas. 

Chegando ao meu prédio, estacionei o Lead ao lado de um Burgman de um vizinho. Na comparação com a Suzuki, a Honda dá um banho em acabamento e praticidade. Além disso, o Lead tem injeção eletrônica, enquanto o Burgman ainda é carburado.

Essas qualidades, para mim, superam o “defeito” do limitador do Lead e estão quase me fazendo descartar o Burgman (já andei com o Suzukinho em outras oportunidades). Entre um e outro, acho que hoje ficaria com Lead.

Mas e o Neo? Essa é minha maior dúvida. Hoje na garagem da editora um colaborador estacionou um e eu fiquei de olho. Gosto bastante do visual dele e acho que as rodas maiores com certeza ajudarão muito no trânsito. Além disso, ele não tem limitador. Mas é carburado. Só que custa um pouco menos. Que dúvida!

E aí, pessoal? Lead, Neo ou Burgman?

por Gerson Campos

honda_lead_02

queima_suzuki1

 

yamaha

Comentários: (44)

 

  1. Luiz TMS disse:

    Em casa temos uma Lead e uma Burgman. Comparando-as, a Lead parece ser bem maior, mais confortável e robusta, econômica e é claro mais moderna. No entanto a Suzuki anda mais e parece ter mais torque.
    Nós trabalhamos a 3 km d casa, tornando as indas e vindas um passeio na arborizada Vl Madalena!
    A Neo é interessante, já q no seu caso o trajeto é mais movimentado. As rodas maiores dará mais segurança, visto q o asfalto, ainda mais depois dos dilúvios, está péssimo.

    Bom, meu conselho é fazer um testdrive nos 3 modelos e buscar a q melhor atende suas características e necessidades!

  2. felipe bortoncello disse:

    Na minha opinião a lead tenho uma esta com 8000 km comprei em outubro nunca deu problema algum nada, ja andei na burg gostei mais e uma suzuki ,mal acabada ,carburada , modelo ultrapassado dizem que esta para ser lançada uma com injeçao e sera remodelada mais continua sendo uma moto de peças caras e sempre estao em falta voçe chega em uma autorizada da suzuki com a burg eles nao dao nen bola so querem ganhar dinheiro em cima das grandes . A yamaha neo tem problema com a rodas qualquer buraco elas amasam facil e tem mais para tirar a roda traseira não e qualquer um que faz esse serviço pois tem que tirar o escape e o pneu tem camara mesmo sendo de liga leve e depois na hora da venda se perde muito dinheiro
    Honda pelo menos na hora da venda tem excelente aceitação

  3. Jorge Menezes disse:

    Analise o porta objetos em baixo do banco, para este foi o ponto fundamental.

  4. Jorge Menezes disse:

    Retificando: Para mim este foi o ponto fundamental.

  5. rBarros disse:

    A Lead tem ao seu favor o motor eletrônico, o bagageiro e os freios combinados. Já a Neo desponta com as rodas maiores, o preço mais em conta e o melhor desempenho.
    Acho que temos um empate tecnico aí…
    Mas a Neo fica bem nesse tom de azul da foto e é a única scooter que consigo achar bonita. E é por isso que eu à escolheria.

  6. Ted disse:

    LEAD ou Smart. O resto já ficou para trás.

  7. Diego Carreiro disse:

    quem é o autor desse texto?

    seja lá quem for, MINHA resposta é Lead. Burgman – ou AN125 – é coisa do passado. Neo só tem a vantagem dos pneus, mas ainda relativa. A Neo é mais bonita? Talvez. mas, para mim, scooter tem que ter cara de scooter. esse papo de dizer que a Neo tem pinta de sport não cola. Se eu quisesse uma sport eu compraria uma sport, e não uma que tem ‘cara’ de sport. assim como uma naked, uma maxitral, uma custom.

    e outra: ‘lançar’ uma 2010 carburada é coisa de quem não tem visão nenhuma de mercado. 2010 carburada é ultrapassada, como daqui a alguns – poucos – anos lançar qualquer modelo sem ser Mix – ou Flex, como prefiram – será ultrapassado.

    mas, autor do texto, compre a que mais lhe apetecer. dei minha opinião.

  8. Magno Maia disse:

    Bom dia, Na minha opinião a Lead não é o melhor custo benefício, porque no episódio da quebra a demora na reposição da peça foi absurda isso mostra uma fragilidade não do equipamento, mas da marca. A Honda deveria corrigir isso com máxima urgência. Porém sou fã de tudo que é bem “pensado” e essa motinha é show muito espaço, boa ergonomia, boa autonomia, frenagem excelente, que convenhamos sou motorista de auto mas vejo o que o pessoal faz com as motos no corredor, e tenho amigos que já sofreram na pele, não pilotei uma Lead ainda mas a idéia de compra-lá não esta descartada. A propósito tenho lido bastante sobre a Lead e freqüentemente vejo criticas sobre a falta do pedal de partida assim como há nos modelos concorrentes e gostaria de dar a minha opinião, não seria possível ter uma partida a pedal porque essa moto é injeção eletrônica. Abraços.

  9. Paulo disse:

    Estava com a mesma dúvida que você, porém descartei o burgman pq achei ele pequeno demais (inclusive suas rodas de 10″ na frente e atrás). Daí fiquei na dúvida entre o lead e a neo, mas acabei escolhendo a neo devido as rodas maiores e pelo fato de ela não ter esse limitador, já que pego um trecho de rodovia federal (br-116) para ir à faculdade e com o limitador eu não me sentiria seguro na estrada tendo que “dividir” lugar com caminhões e afins. Sem falar que eu acho a neo a mais bonita das três.

  10. KLEBER disse:

    Meu caro, estou no mesmo dilema todas tem vantagens e desvantagens. Tudo vai depender do uso, agora se a honda tivesse optado em produzir o scooter sh125/150, seria como uma luva para o mercado brasileiro, seria na verdade a união das vantagens do honda lead com yamaha neo. Agora cabe, a nós pesar os prós e os contras e tomar uma decisão.

  11. Ted disse:

    Lead ou Smart. O resto está ultrapassado.

  12. leticia disse:

    a lead podia ser ”incrementada” com aquele medidor de km que tu pudesse zerar, igual tem na bros, um tem a kilometragem geral, e um tu pode zerar toda vez que abastace.. tambem seria legal um relogio ali no painel …ahh e o pezinho do lado tinha que vir de fabrica, eu acho dificil ainda por no cavalete.. e a cc aqui de sta maria nao tem o pezinho pra ela ainda.. e nem previsao

  13. Leonardo disse:

    Tenho uma lead a 2 meses, ja estao com quase 1800km rodados. Escolhi ela principalmente pelo espaco sob o banco e que realmente e fantastico, cabe muita coisa. Sou eletricista e precisava de um veiculo para poder sair e fazer os servicos, e sou do tipo que tenho ferramentas mesmo, e um carro estava fora de cogitacao por falta de verba, entao me restaram as motos.
    Como obrigatoriamente eu teria que pegar a estrada (angrax paraty, cerca de 100km distante) uma vez por semana pelo menos, estava pensando em uma biz, pois nao gosto de titan. E fui na concessionaria para ver uma quando conheci a Lead. Achei a lead bem bonitinha e comecei a fazer perguntas ao vendedor, mas foi quando vi o espaco em baixo do banco que ela definitivamente entrou na minha lista de opcoes. Apos isso pesquisei sobre ela, e foi quando descobri esse teste, e a suzuki so pelo design ja estava de fora, a neo e bem tentadora tem um ar de maior seguranca, principalmente pelo fato de eu ter que andar 200km em estrada por semana, mas a falta de espaco em baixo do banco era desanimadora, fora que a lead e uma moto mais moderna. O unico porem da lead era se ia aguentar andar na estrada de fato, mas resolvi arriscar e comprei ela.
    Hoje sou um feliz propietario de uma lead preta, e viajo toda semana de angra a paraty com velocidade entre 70 e 80km/h sem maiores problemas.
    Obs.: com velocidades de ate 70km/h a lead faz uma media acima de 36km/l, e com media de 80km/h fica em torno de 30km/l.

  14. Elenildo disse:

    Sei que o lead é o mais moderno, mas essa tal modernidade custa caro(a feiura!), ele é feio que dói na vista, aliás, ele é o mais feinho, mas é um “honda”… se fosse comprar uma scooter iria de yamaha neo, melhor custo beneficio, muito, muito mais bonito e mesmo sem ter injeção eletrônica é mais econômica que o lead. meu colega tem um neo que “diz” ele que faz média de 40Km/l por isso queria um teste real e não impressões!!!

  15. Aldo disse:

    Simples!

    Faz o teste dos 100 dias com a neo.

    Sobre a beleza das motos: a LEAD é mais social e a NEO mais esportiva. Depende do gosto. Eu por exemplo, acho a traseira da NEO horrívél, ela é menos robusta que a LEAD. Só ganha no tamanho dos pneus, porém o mesmo apresenta uma série de problemas. Tem menos espaço e tecnologia que a LEAD.

    Acho que um teste dos 100 dias com a NEO seria interessante, até para sentir a diferença real com relação aos pneus.

    Abraço!

  16. gostaria de ver um comparativo entre a lead e a smart

  17. Amilton Prado disse:

    Geralmente quem acompanha e posta em blog que trata de um produto específico ou está pensando em comprar, ou já possui e quer compartilhar suas impressões (boas ou ruins). Mas sempre aparece também aquele que tem verdadeira aversão ao produto ou à marca do produto e quer “meter o pau”. Estes últimos costumam fazer comentários bem subjetivos, do tipo “é muito feio”, com claro objetivo de criar polêmica. O blogger adora esse tipo de comentário, que tem o efeito imediato de atrair mais posts.

  18. Diego Carreiro disse:

    leonardo, tb faço alguns percursos em rodovia e, indo entre 70 e 80km/h, meu lead faz – sempre – 38km/l. nunca fez menos em rodovia.
    sobre ser feia, bonita, linda, horrível, grotesca… vou dizer o quê? leiam Kant – aquele filósofo alemão, sabe? e parem de reclamar tanto. scooter é scooter. vcs claramente não sabem o que isso significa.

  19. Roberto Melo disse:

    Tenho uma Burgman, que serve muito bem a mim e minha esposa e se adequa ao nosso perfil de uso estritamente urbano. Escolhi a AN125 porque era o melhor custo x benefício na época (03/09) e a Suzuki estava com a melhor condição de pagamento. A Honda ainda não havia lançado a Lead.
    Hoje, EU escolheria a Lead, mesmo sendo mais cara, devido ao espaço interno e o conforto do garupa, que deixa a desejar na Burgman. Minha esposa hoje prefere a Neo. Na época, ela não se adaptou muito bem com o tanque entre as pernas. Resta esperar uma possível nova Burgman, estilo europeu e a Sundown Outlook.

  20. Elenildo disse:

    Caro Amilton, sou proprietário de moto “honda”, mas não sou alienado por “honda” e mais, a lead não é feia não, ele é muitíssimo feiosa e gosto não se discute e pode ser modoerna, mas que é horrorosa é!!!!!!!!!!

  21. Luiz TMS disse:

    Eu acho bonita.
    Pelo design só trocaria a minha por uma Piaggio, q é mto mais cara!

  22. Chico disse:

    A Lead é melhor em todos os pontos, quanto à velocidade final, faz muito pouca diferença andar 5km a mais, quanto à força do motor a Lead arranca mais rápido pois é mais forte, quanto ao resto, bem, a Lead supera em todos os sentidos.

  23. Amilton Prado disse:

    Elenildo, concordo com você que gosto não se discute, e é por isso mesmo que disse que esse tipo de comentário é muito subjetivo. Além disso você diz que não escolheria o Lead porque não é um “alienado Honda”. Quem está sendo intransigente quanto ao gosto alheio não seria você?

  24. Elenildo disse:

    Não me recordo em nenhum teste de revistas essa superioridade que tanto se fala do lead nesse blog, vou continuar lendo revistas “especializadas” pois continuo sem entender o que leio aqui no blog com testes que revistas realizam, ex: teste da lead x dafra smat, segundo revista o dafra perdeu em economia de combustível e por possuir maior espaço para capacete e porta trecos, em desempenho o smart é bem melhor…

  25. Luiz TMS disse:

    A Dafra e a Burgman são irmãs, se procurar a origem vai constatar q tem a mesma origem. O gde lance das scooters é a economia, pois quem compra e anda numa scooter com estas dimensões não deve pretender obter peformance!
    Não esqueçam q a Lead tem i.e., o q amplia a economia, e rodas maiores na frente, perceptíveis logo na primeira volta no quarteirão!

    Qto a beleza, “o q seria do amarelo se todos gostassem do azul”?!

  26. Andre Paiva disse:

    Fácil de resolver isso…vejo que a Yamaha Neo é bem competitiva e a marca Yamaha é tradicional….sendo assim vocês poderiam fazer esse teste dos 100 dias com ela. Ficaria bem melhor para tomar um posição!, abraços.

  27. Marcos disse:

    Tenho uma neo 2007 que comprei zero e está com 15mil km. Eu e minha esposa andamos e apesar dos vários buracos já passados as rodas nunca tiveram problemas. Nesse tempo foi apenas uma bateria(que graças ao pedal de partida não fiquei na mão), lâmpada do farol e câmara do pneu traseiro, que precisa de atenção para não andar com a calibragem baixa que pode ocasionar furo na câmara. Acho uma excelente moto para sua proposta, faltando apenas uma atualização em pequenos detalhes e a injeção eletrônica. A minha faz média de 32 a 35 km/l.

  28. Elenildo disse:

    Marcos meu querido, cuidado para voce não sofrer perseguição por falar bem de outra marca!!! parabéns pela compra!!!!!

  29. Reinaldo disse:

    Olá! Na época em que fomos comprar o Scooter para minha noiva (tenho uma Fazer 250), pesquisamos muito, compramos várias revistas especializadas e fomos olhar todas elas de perto, todas mesmo (Sundown, Dafra, Honda, Yamaha e Suzuki), achamos o Lead “estranho”, como se fosse uma Biz com carenagem, além do preço que era muito mais caro, realmente o espaço embaixo do banco é muito bom, mas com todas as comparações das revistas, inclusive falando que o freio combinado da Lead (freando o traseiro automaticamente freia um pouco o dianteiro) tirava um pouco a agilidade no trânsito entre os veículos, ela acabou decidindo-se pela Burgmann. A Burgmann é bem ágil no trânsito, arranca na frente de todas as motos 125 e é econômica, em velocidade final ela também anda bem pois nós saímos cada um com seu veículo para passear em rodovia e ela acompanha bem a Fazer a uns 95 / 100 km/h. O problema de espaço resolvemos colocando um baú de 22 litros que foi “dado” pela loja onde compramos durante a negociação. Enfim comparamos preço, design (gosto pessoal), velocidade/potência. Estamos aguardando algum lançamento da Suzuki para trocarmos por outro Scooter mais moderno e bonito!

  30. Jeff disse:

    Amigo, se voce usar uma Neo por uma semana, não tenho dúvidas que vc compra a mesma. Na minha família, depois que comprei, mas 3 parentes compraram, pq usaram a minha por 1 dia. Excelente moto. Recomendo fazer um Test Drive. Pena ainda não ter i.e

  31. Caram eu iria de Neo. Além de mais confortavel (principalmente pelas rodas grandes) e melhor pilotagem (por ser mais estreita, se aproximando das cubs) tem, um design a meu ver mais interessante. Me agrada mais, embora o Burgman eu creia que seje mais potente.

  32. Sergio Negrão disse:

    Caramba, todos os Posts metem o pau na Burgman. eu tenho uma, digo que é muito boa. tem o melhor rendimento de motor de todas. nao gosto da Neo, pois o espaço dos pés não é chapado… tem uma divisão. isso impede, por exemplo, de vc ir em um supermercado, comprar um monte de coisas, colocar em uma caixa e andar com ela no seu pé. Isso a Burgman e a Lead tem.
    porem, estou vendendo ela e quero pegar uma Lead para testar. deve ser muito boa também. fiquei triste em saber que tem o limitador… lamentavel ideia. deve ser perigoso na Marginal.
    Mesmo assim farei este teste. a Honda nao iria fabricar uma porcaria.
    Neo? nem pensar. unico ponto favoravel são as rodas. e ha quem diga que elas amassam facil.
    agora… quem diz aí que a Smart é boa, pelo amor de deus, a Smart é uma DAFRA.
    nao caiam nessa!!

    grande abraoç a todos

  33. Aldo disse:

    E aí?

    Decidiu?

    Ainda estou querendo ver a Outlook da Sundown….mas…
    está demorando muito ….
    E aí Sundown? Vai ou não vai inaugurar essa Scooter?
    Gos to muito da Lead, mas as rodas pequenas me fazem pensar toda vez que vejo “bocas de lobo” e buracos nas avenidas.
    A neo, apesar das rodas grandes, não me agrada muito.
    Acho a Neo muito magrinha, frágil. Não tem porte e robustês.

  34. Roberto disse:

    Pessoal,
    estou com muita dúvida entre a Burgman, Neo e a Lead. Sempre dei preferência para a marca Honda, pois a manutenção e revenda, é indiscutivelmente melhor. Estou fora da TITAN FAN, moto de motoboy e com altíssimo risco de furtos, toda hora dem CG sendo roubada. Moro em Brasília, percorro um trajeto de 48 Km diário. A Honda está com uma super promoção da Lead, R$: 6750,00 parcelando em 12 x sem juros no cartão de crédito. Não quero mecher com banco. A Suzuki apesar de custar R$: 5790,00 não vendem no cartão, apenas por banco. Estou em dúvida com a NEO referente ao pneu traseiro, dizem que é hiper dificil trocá-lo, pois tem que desmontar o CVT dela. Enfim, acho que por ser Honda e estar na promoção, vou ficar com a LEAD. Abraços.

  35. Cilene disse:

    Compra uma mobilete e vende caldo de cana nos finais de semana como eu faço…hihihihihi

  36. Jefferson disse:

    Pessoal.. tbm fiquei em dúvida entre Burg e Lead, e optei pela Burg, principal pto a favor foi o custo/ beneficio, uma promoção da Suzuki em SP, a diferença é de R$1900 entre elas e para o uso que eu farei, concluí que era um valor consideravelmente alto, fora um seguro total por R$250,00 para a Burg pesaram MUITO a seu favor. estarei em 2 rodas na prox semana !!

  37. barilho disse:

    JA TIVE BURGMAN E NEO,A BURGMAN É BOA MAS SENTE MUITO OS DISNIVEIS OU BURACOS DE SP,A NEO ME DEU MUITA DOR NO FINAL DA COLUNA ISTO ACONTECEU TAMBEM COM UM AMIGO MEU,MAS AS DUAS NÃO SÃO P/ESTRADA AGORA ESTOU PARA RECEBER A LEAD POIS NAO TEM A PRONTA ENTREGA LOGO MAIS VOLTO A DAR A MINHA OPINIÃO ENTRE AS TRES !JA TIVE OUTRAS MOTOS CONVENCINAIS ENTRE CG,TURUNA ,RX TDR,DT,XL,XLX,CB,YBR,RD 350,TAL VEZ PELA IDADE 38 ANOS ESTOU QUERENDO SCOOTER PELA PRATICIDADE E MENOS VIZADA!!

  38. americo ney disse:

    Magno Maia, beleza? só para informar, a titan 150 sem partida elétrica, é injetada e tem kick start (pedal).boa sorte

  39. americo ney disse:

    amigo Diego Carreiro, como o belo não tem importância? camarada eu morreria de tédio se todas as mulheres , paisagens, motos e scooters fossem feias e… iguais.
    se liga, vc e o seu finado amigo kant.

  40. JCastro disse:

    Fiz o teste com as tres scooters e acabei, por todos os motivos, escolhendo e adquirindo a NEO. Um dos fatores mais importantes para a opção, indiscutivelmente, foi o tamannho das rodas – essas ruas emburacadas – segurança não tem preço. O único senão fica pela falta de injeção, o que tornaria a NEO, dentre outros, mais econômica. A NEO é d+.

  41. vinicius disse:

    to com duvida tbm
    minha melhor opçao eh a burg mais pesquisei na internet e vi que ela eh bem fragil e muito caro pra consertar ainda mais pra mim que moro em um condominio que a rua eh de paralelepipedo todo irregular. isso quebraria rapidamente a burg. entao vi a neo por ter as rodas maiores ela teria mais resistencia a buracos e paralelepipedos
    tbm ten a lead e o q dizem do limitador de velocidade n me prejudicaria pq todo o meu trajeto o transito vai estar parado.
    entao qual eh a melhor
    sera q burg aguentaria sem querar
    e a lead e neo??

  42. Alex Sander disse:

    Defendendo o teste dos 100 dias com a neo também ai quero ver o que vão falar, pois tenho uma ha 2 anos de uso a unica coisa que troquei foi oleo, pneu e a correia, que foi trocada em 2 horas ….

  43. Trabalho a 3 quadras de minha casa e como quase não preciso utilizar veículo, resolvi vender meu carro e andar de taxi para economizar. Fiz as contas e sairia mais barato ainda eu ter uma motinho. Optei pela Neo por causa da estética e dos aros 16, que em teoria enfrentam bem melhor a buraqueira desse nosso país.

    Como mencionei anteriormente, quase não necessito de meio de locomoção, assim minha Neo irá completar 3 meses e só rodei 350km. Por enquanto estou muito satisfeito, mesmo sabendo que o modelo tem manutenção cara para a categoria e não é tão econômica como seus pares (dificilmente atinge 35km/l).

  44. Andre disse:

    Gostei muito da lead, achei ela bonita, bem acabada e com um otimo bagageiro!
    Mas limitador de 88km/h, acho isso ate perigoso, uma vez que se há necessidade de ultrapassar vc nao consegue.
    Acho que uma moto para ser segura tem que chegar perto dos 100km/h, pois desse modo vc consegue andar a uns 80 sem forçar o motor e ter uma sobra para ultrapassagens ou para fugir de uma situaçao perigosa.
    Outro ponto é da lead ter quebrado num buraco, bom o brasil tem muitos buracos, imagina vc andando e atraz um carro colado em vc, vc cai num buraco a moto quebra e o carro bate em vc!
    Isso prova que a lead é um bom produto, porem muito fragil para o brasil!
    Ela quebrar caindo num buraco????
    Isso é Inadmissível num pais como o brasil que tem muito buracos!
    Opniao minha?

    Moto com marchas – compre a Biz, manutenção barata e resistencia

    Moto sem marchas – Yamaha Neo, bonita e prática com rodas que dão segurança nas estradas brasileiras.

    Suzuki Burgman é bonita e potente, mas se a roda cair inteira num buraco é chão certo!
    No brasil aonde tem tantos buracos rodas pequenas se tornam perigosas, alem do pneu nao durar nada!

    Abraço
    Andre

Deixe um Comentário